Batimentos de jovem em UTI iam a 190 quando pai a tocava Homem foi preso no mês passado e vai responder pelo crime de estupro ~ Esperança News

ANUNCIE EM NOSSO SITE

ANUNCIE EM NOSSO SITE AQUI

Batimentos de jovem em UTI iam a 190 quando pai a tocava Homem foi preso no mês passado e vai responder pelo crime de estupro

 

Homem foi preso sob suspeita de ter abusado da filha Foto: Reprodução/TV Globo

A frequência cardíaca da jovem que teria sido abusada pelo pai dentro de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital em São Bernardo do Campo, na Região Metropolitana de São Paulo, chegava a 190 batimentos por minuto quando o pai dela passava a mão em seu corpo. O caso foi revelado pelo programa Profissão Repórter, da TV Globo.

– Sempre que o genitor se aproxima da paciente (…), os batimentos cardíacos ficam altos, já tendo chegado a 190, sendo que já por cerca de três vezes – disse uma enfermeira ouvida como testemunha da investigação do caso.

De acordo com os médicos, uma frequência cardíaca considerada normal, em repouso, está em torno de 50 a 90 batimentos por minuto. Acima de 180, como era o caso da jovem, já há risco de algum problema no coração, como, uma parada cardíaca.

SOBRE O CASO
Um homem de 59 anos foi preso por suspeita de ter estuprado a própria filha, uma adolescente de 17 anos, dentro da UTI de um hospital em São Bernardo do Campo, na Região Metropolitana de São Paulo. O fato que resultou na prisão teria acontecido em maio deste ano.

A jovem foi internada após sofrer uma parada cardiorrespiratória depois de fumar um cigarro eletrônico. Diagnosticada com asma, a adolescente teria esquecido o medicamento e, por causa disso, ficou muito tempo sem oxigênio. Ela segue internada e com sequelas. O caso foi revelado pelo programa Profissão Repórter, da TV Globo.

A desconfiança sobre os abusos aconteceu quando profissionais do hospital perceberam uma reação anormal da jovem diante do pai. As equipes notaram que a frequência cardíaca da vítima chegava a 190 batimentos por minuto quando o homem se aproximava, número considerado muito acima do normal. Além disso, a jovem chorava, se debatia e tentava gritar ao ver o pai.

Por causa desses fatos, os médicos decidiram gravar as atitudes do pai com a filha durante umas das visitas dele. Nas imagens, o homem é flagrado acariciando os seios da menor por baixo do avental e tocando as pernas dela. Além disso, testemunhas disseram que os vídeos expuseram o homem abrindo a fralda da filha e acariciando sua vagina, além de beijar o pescoço e o peito dela.

O exame de corpo de delito feito no Instituto Médico Legal (IML) confirmou que a adolescente apresentava lesões compatíveis com a prática de “atos libidinosos” e que a agressão sexual ocorreu recentemente. O pai foi preso preventivamente no dia 13 de maio e responde pelo crime de estupro.

De acordo com a delegada Kelly Cristina Sacchetto, responsável pelo caso, o inquérito está sendo revelado apenas agora, porque corria em segredo de Justiça por envolver uma menor de idade. Segundo ela, porém, o trabalho da polícia já foi finalizado e o caso está com a Justiça.

Ao se pronunciar sobre a acusação, a defesa do pai negou “veementemente” a imputação e disse que as gravações apresentadas à investigação não confirmam a prática do crime e, por isso, o homem deve ser considerado inocente até que o crime seja provado.

Em entrevista à TV Globo, a mãe da jovem e esposa do acusado disse que “ele não fez nada” e que as acusações estão “destruindo a sua família e que eles são dependentes” do homem.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Nenhum comentário:

Postagem em Destaque

Marcos do Val expõe delegado que investiga Bolsonaro e 8 de janeiro Delegado Fábio Alvarez Shor é responsável por casos sob relatoria de Alexandre de Moraes

  Senador Marcos do Val  Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado O senador Marcos do Val (Podemos-ES) publicou, em suas redes sociais na noit...

Aplicativo da webradioesperanca

Blog Archive

SIGA-ME

SIGA-ME
SEJA UM SEGUIDOR

TWITTER

whatsapp

Postagens mais visitadas

Globo de visitas