Esperança News: Politica
Mostrando postagens com marcador Politica. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Politica. Mostrar todas as postagens

Zoe Martinez chora ao comentar a vitória de Lula na Jovem Pan A comentarista da Jovem Pan é cubana e precisou abandonar seu país fugindo da miséria do

 

Zoe Martinez é comentarista do Morning Show, da Jovem Pan Foto: Reprodução

Na manhã desta segunda-feira (31), a comentarista Zoe Martinez chorou ao comentar sobre a vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) durante sua participação no programa Morning Show, da Jovem Pan.

A jovem cubana estava há dez dias afastada da emissora por causa das críticas que fazia ao ex-presidente petista. Foi mais de uma semana afastada da programação, e ela retornou para comentar a vitória de Lula.

– Eu achei que hoje seria um dia para comemorar a minha volta e também a vitória [de Bolsonaro], mas infelizmente a gente não conseguiu. Faz parte do jogo democrático – disse ela com os olhos marejados.

Felipeh Campos, jornalista que há pouco tempo faz parte do programa, convidou os demais participantes do Morning Show a aplaudirem.

– Mas acho que você fez lindamente a sua parte. Você teve que se retirar, e, mesmo assim, se manteve. Você merece uma salva de palmas – disse Campos.

ZOE FALA EM DOIS BRASIS
A comentarista disse que há dois Brasis, um contra a ideologia de esquerda e outro a favor.

– Lula, infelizmente existem dois Brasis. De um lado, existe o Brasil que o seu governo deixou. Do outro lado, tem o Brasil que o Bolsonaro ajudou a reconstruir. De um lado tem o povo que apoia a legalização das drogas, do aborto, a censura a veículos de comunicação. E do outro lado, a gente tem a outra metade do povo brasileiro, que faz parte do outro Brasil, que defende a democracia, os valores judaico-cristãos e a família – disse Zoe.

Ela também falou que está de luto e que é necessário transformar o luto em luta.

– Bolsonaro não foi eleito, mas deixou um legado e conseguiu colocar uma bancada muito forte no Congresso Nacional – completou.

ASSISTA:

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Filha de Michelle se manifesta após resultado das urnas A jovem compartilhou imagens expondo apoiadores da esquerda

 

Mara Gabrilli Foto: Reprodução / Youtube

Candidata a vice-presidente na chapa com Simone Tebet, a senadora Mara Gabrilli acusou o presidenciável Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de ter pagado R$ 12 milhões para não ser exposto “como mentor do assassinato” do ex-prefeito Celso Daniel. Segundo a parlamentar, o ex-presidente foi chantageado pelo empresário Ronan Maria Pinto, do ramo de transporte público no ABC paulista.

– O Ronan Maria Pinto, se não fosse pago, ele ia entregar o Lula como mentor do assassinato do Celso Daniel. Esse é o teor da chantagem. E o Lula pagou. Como é que que alguém que não tem nenhum envolvimento pagaria? O Lula pagou os R$ 12 milhões da chantagem sim para o Ronan Maria Pinto calar a boca e ficar quieto – enfatizou Gabrilli em entrevista à Jovem Pan.

De acordo com a congressista, Ronan Maria Pinto fazia parte da quadrilha que extorquia empresários em Santo André. Ronan foi condenado pela Lava Jato por lavagem de dinheiro, e atualmente está sendo monitorado por tornozeleira eletrônica.

– Ele era um dos que extorquiam o meu pai. E ele, depois que o Celso Daniel já tinha sido morto, ele foi lá, típico dele, oportunista, foi lá tentar ganhar uma graninha, fazer uma chantagem (…). Existe o documento do dinheiro que entrou na Nova Santo André, na empresa do Ronan. Sabe por quê? Por que a chantagem que ele fez foi paga – assinalou.

Ela relatou ter ficado sabendo das informações ao visitar o operador do mensalão, Marcos Valério, na prisão. Após insistência, ele teria revelado o caso para ela. Gabrilli também afirma que “implorou” ao Ministério Público de São Paulo para ouvir o detento, mas o órgão “acabou encobrindo o caso”.

– Desde o princípio, o Ministério Público de São Paulo acabou encobrindo o caso. E quem que era o governador na época? Geraldo Alckmin. E hoje estão juntos, Geraldo Alckmin e Lula, com uma mácula dessa, um assassinato brutal desse – acrescentou.

Prefeito de Santo André e coordenador da campanha de Lula em 2002, Celso Daniel foi encontrado morto em janeiro do mesmo ano, com marcas de tortura e tiros em uma estrada de Juquitiba (SP). Ele havia sido sequestrado após deixar um restaurante na capital paulista. Inicialmente, a Polícia Civil apontou que tratava-se de “crime comum”, mas o Ministério Público declarou que a versão não se sustentava.

Segundo os irmãos de Celso Daniel, Bruno José Daniel Filho e João Francisco Daniel, o homicídio foi um crime político para queima de arquivo. Celso estaria envolvido em uma esquema de corrupção de empresários do setor de transportes e funcionários da Prefeitura de Santo André para desviar dinheiro para o Partido dos Trabalhadores.


Share:

Pesquisa Veritá: Bolsonaro tem 51,4% e Lula, 48,6% Levantamento foi divulgado nesta sexta-feira

Pesquisa Veritá diz que Bolsonaro tem 51,4% e Lula, 48,6% Arte: Pleno.News // Fotos: Alan Santos/PR e Ricardo Stuckert

A pesquisa Veritá, divulgada nesta sexta-feira (21), apontou o presidente da República e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro (PL), com 51,4% dos votos válidos. Já Lula aparece com 48,6%, conforme o levantamento. As informações são do R7.

 á o cenário que também considera os votos não válidos, Bolsonaro é apontado com 47,5% e Lula, 44,1%. Os eleitores indecisos somam 7,5%, enquanto votos nulos e em branco são 0,9%. Dessa forma, Lula e Bolsonaro aparecem tecnicamente empatados.

A pesquisa foi feita por iniciativa própria do instituto, que entrevistou 20.220 eleitores, entre 17 e 20 de outubro de 2022. A margem de erro é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%.

O levantamento foi registrado no TSE sob o número BR-04043/2022.

fonte:pleno news

Share:

Bolsonaro diz que Lula “brochou” por desistir do debate no SBT O candidato à reeleição está em São Paulo para cumprir agenda de campanha

 

Bolsonaro em encontro com lutadores em São Paulo Foto: Reprodução Instagram

O presidente Jair Bolsonaro (PL) ironizou seu concorrente, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), por desistir de participar dos próximos debates. O petista cancelou a participação no debate da Record TV e do SBT.

– O outro cara não vai. Brochou, pô! Acho que eu coloquei as mãos nas costas dele [no debate da Band], e ele ficou arrepiado – disse o candidato à reeleição ao confirmar que será entrevistado pelo canal de Silvio Santos.

A ausência de Lula no debate deixará o chefe do Executivo com o tempo de uma hora para ser entrevistado pelos jornalistas da emissora em parceria com a revista VEJA e CNN Brasil, Nova Brasil e Estadão.

A sabatina será realizada nesta sexta-feira (21) na sede do SBT, em São Paulo.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

TSE concede novos direitos de resposta a Bolsonaro contra Lula Campanha de Bolsonaro questionou peças do ex-presidente Lula que associavam o atual líder à defesa do aborto

 

Presidente Jair Bolsonaro e ex-presidente Lula Arte: Pleno.News // Fotos: Alan Santos/PR e Ricardo Stuckert

A ministra Maria Claudia Bucchianeri, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), concedeu nesta quinta-feira (20) novos direitos de resposta ao presidente Jair Bolsonaro (PL) em horários que eram reservados ao ex-presidente Lula (PT). No total, o atual presidente terá direito a oito inserções na programação e dois minutos de um programa que vai ao ar todos os dias em blocos.

Na ação, a campanha de Bolsonaro questionou peças do ex-presidente Lula que associavam o atual líder à defesa do aborto, à prática de atos de corrupção e a ter atuado para armar milicianos. Ao decidir o caso, a ministra ressaltou que é público e notório que, ao contrário do que diz a propaganda petista, Bolsonaro possui posicionamento abertamente contrário ao aborto.

– Essa adulteração grosseira, parece ter ocorrido também neste caso, que gira em torno de propaganda eleitoral também relativa à temática do aborto, mas com a mensagem de que o candidato abortaria filho seu. Nesse cenário, afigura-se legítima a pretensão da coligação autora de requerer o direito de resposta pretendido – apontou.

Em outra decisão, a ministra afirmou que a imputação de que Bolsonaro e sua família são ligados a “assassinos de aluguel”, “milicianos” e “bandidos” é grave, ofensiva e “dissociada de qualquer lastro fático que permita a construção da respectiva narrativa, já que inexistem acusações formais nesse sentido”.

A ministra fez questão de destacar que “há inequívoca veiculação de ofensas pessoais que desbordam da crítica política, mesmo que ácida, rompendo por completo todos os limites já estabelecidos pela jurisprudência [entendimento] desta Corte para o pleito de 2022”.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Guedes rebate fake de Janones sobre redução do salário mínimo Ministro da Economia afirmou que "nem durante a pandemia o governo deixou de reajustar o salário mínimo e as aposentadorias"

 

André Janones Foto: Paulo Sergio/Câmara dos Deputados

O ministro da Economia, Paulo Guedes, desmentiu uma informação veiculada pelo deputado federal André Janones (Avante-MG) de que o governo estaria planejando reduzir o valor do salário mínimo e das aposentadorias a partir de 2023. Nas redes sociais, o parlamentar disse que Guedes havia anunciado que os benefícios sociais não seriam reajustados pela inflação.

– Estou com os documentos aqui nas mãos. Não é fake news, não é notícia falsa. Paulo Guedes acaba de anunciar que os benefícios sociais não serão mais reajustados pelo índice da inflação. Denunciem isso para o país inteiro – disse Janones.

Ao site O Antagonista, Guedes rebateu a informação e disse que enviou o vídeo ao ministro Alexandre de Moraes, presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), pedindo a retirada do conteúdo.

– Essa fake news será interditada? Espero imparcialidade do TSE, caríssimo ministro [Alexandre de Moraes] – declarou.

Guedes também ressaltou que “nem durante a pandemia o governo deixou de reajustar o salário mínimo e as aposentadorias”. À CNN Brasil, o ministro garantiu que os valores serão corrigidos pela inflação e que o governo estuda, inclusive, um aumento real, acima do patamar inflacionário.

– Tem fake news que salário mínimo e aposentadorias não serão corrigidos. Não tem nada de salário mínimo mais baixo, muito pelo contrário. Eu garanto que será corrigido no mínimo pela inflação. E que estamos estudando aumento real, acima da inflação – disse Guedes à emissora.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Ministra volta atrás e suspende 164 direitos de resposta de Lula Maria Cláudia Bucchianeri enviou medida para avaliação do Plenário da Corte

 

Ex-presidente Lula Foto: EFE/Fernando Bizerra

A ministra Maria Cláudia Bucchianeri, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), voltou atrás na decisão que concederia 164 inserções de direito de resposta ao ex-presidente Lula (PT) e suspendeu a medida. De acordo com a nova definição dada por Bucchianeri, a medida será avaliada pelo Plenário da Corte.

A integrante do TSE optou pela medida após a campanha do presidente Jair Bolsonaro (PL) ter entrado com um embargo de declaração contra a decisão. Bucchianeri concedeu eficácia suspensiva à ação, ou seja, que suspende os efeitos da decisão inicial até que o caso seja deliberado pelo Plenário.

– Nesse contexto, recebo os presentes embargos declaratórios como recurso inominado […] e a ele atribuo, excepcionalmente, eficácia suspensiva, até respectiva análise colegiada – escreveu.

Na quarta-feira (19), Bucchianeri tinha concedido os direitos de resposta a favor de Lula por entender que, em 164 ocasiões, a campanha do presidente Jair Bolsonaro havia veiculado fatos sobre o ex-presidente “sabidamente inverídicos por descontextualização”.

No processo, foram apontadas propagandas em que a campanha de Bolsonaro associava Lula ao crime organizado, ao dizer que o petista foi o mais votado em presídios, e também peças sobre Lula ter pedido para o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso libertar os sequestradores do empresário Abílio Diniz.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

PP pede cassação do mandato de André Janones por fake news Partido apresentou pedido no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados

 

André Janones Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O partido Progressistas (PP) ingressou com uma representação no Conselho de Ética da Câmara dos Deputados com pedido de cassação do deputado federal André Janones (Avante-MG) por causa da divulgação fake news e quebra de decoro parlamentar. A informação foi divulgada na manhã desta terça-feira (18) pelo ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI).

No documento, a sigla argumenta que desde o dia 2 de outubro, data do primeiro turno das eleições deste ano, Janones “tem realizado publicações disseminando notícias falsas – as chamadas fake news – sobre o presidente Jair Bolsonaro em redes sociais, principalmente no Twitter e Facebook”.

Na representação, a sigla afirma ainda que Janones tem espalhado “mentiras e ódio” com o objetivo de enganar a população e atacar a democracia. O PP ressalta que há precedente no TSE a respeito de cassação de parlamentar por divulgação de notícia falsa.

– O único objetivo do nobre deputado é a vitória de seu candidato à Presidência, Lula, ainda que para isso haja a violação das normas postas e a quebra do decoro parlamentar esperado – completa o pedido.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Filho de Leonardo após apoio do pai a Bolsonaro: “Tô triste” Artistas sertanejos se encontraram com Bolsonaro e declararam voto

 

Cantor Leonardo expressou apoio a Bolsonaro Foto: Reprodução/Print de vídeo YouTube Jair Messias Bolsonaro

Na tarde desta segunda-feira (17), o presidente Jair Bolsonaro (PL) se encontrou com vários cantores sertanejos que declararam seu voto pela reeleição do presidente, defendendo valores e setores da sociedade como caminhoneiros e produtores rurais.

Entre os artistas presentes estavam os cantores Leonardo e Gusttavo Lima, que participaram de uma coletiva de imprensa ao lado de Bolsonaro, reafirmando seus valores pela vida, família e liberdade.

Leonardo deu uma pequena palavra sobre seu voto, lembrando que não concorda com o governo do Partido dos Trabalhadores (PT) nem com as ideias que eles defendem.

– É um prazer estar ao lado do presidente, tenho muito orgulho de estar junto com ele desde o começo da campanha de reeleição. Eu nasci aqui perto, em Goianópolis, lá você [Bolsonaro] teve 90% dos votos. Também quero dizer que sou contra as coisas que estão dizendo do outro lado [Lula]. Falar de fechar igrejas e templos é negativo para a imagem do nosso país. Hoje o Brasil está entre os países mais produtivos do mundo, é a décima melhor economia do mundo mesmo com pandemia e guerra – pontuou.

Além deles, outros artistas conversaram com Bolsonaro, entre eles a cantora Sula Miranda, Zezé Di Camargo, Fernando e Sorocaba, Sidney Magal, Chitãozinho (da dupla com Xororó), entre outros. O apresentador Ratinho também participou do encontro.

Os ministros Paulo Guedes (Economia), Ciro Nogueira (Casa Civil) e Fábio Faria (Comunicações) também participaram do encontro.

Diante do apoio do pai, o cantor João Guilherme, de 20 anos, que é filho de Leonardo, usou as redes sociais. Ele expressou tristeza diante da postura do pai.

– Hoje tô triste. Sei bem a influência do meu pai, ele é gigante, querido por tantos? Mas joga no time errado e está cego – escreveu, no Twitter.

E acrescentou:

– Diante de todos os últimos escândalos envolvendo o atual mandatário ver alguém tão importante pra mim declarar apoio dessa forma me enoja. É tanta ignorância que nem sei. É como se eu não tivesse minhas duas irmãs mais velhas que já tiveram 14, 15 anos? Ou minhas sobrinhas. Como se todas as mortes ligadas ao pouco caso do Governo perante a ciência e a vacinação fossem só um delírio – disse.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

 

Datena apresenta o Brasil Urgente, na Band Foto: Reprodução/Band

Após encontros com o presidente Jair Bolsonaro (PL) e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) em um intervalo de dois dias, José Luiz Datena, por fim, acabará fazendo parte da lista de abstenções do segundo turno. Segundo o apresentador, ele “não tem vontade de votar”.

– Não vou nem votar. É capaz de não ir. Não tenho vontade nenhuma de votar, mas aconselho todo mundo a votar – disse Datena ao Metrópoles.

Não tenho vontade de votar. Com os políticos que estão aí vai demorar para eu acreditar e ir votar – prosseguiu, classificando os encontros com Lula e Bolsonaro como apenas “triviais”.

Tanto no encontro com Bolsonaro, em Brasília, quanto com Lula, em São Paulo, o jornalista havia se mantido reticente quanto à sua escolha. No entanto, o ex-governador Márcio França (PSB), anfitrião do jantar entre Datena e Lula no fim de semana passado, afirmou que Datena “previu” uma vitória de Lula nas urnas, por uma diferença de 1,4 milhão de votos.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Tebet aparece em propaganda de Lula: “O que nos une é muito maior” Em vídeo de campanha do petista, senadora critica o presidente Jair Bolsonaro

 

Simone Tebet Foto: Reprodução/Print de vídeo publicado nas redes sociais

Nesta segunda-feira (17), a campanha do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou uma nova propaganda eleitoral. A novidade, no entanto, é o aparecimento da senadora Simone Tebet (MDB), terceira colocada na disputa pela Presidência.

No vídeo, Tebet manifesta seu apoio ao petista e critica o presidente Jair Bolsonaro.

– Em quatro anos de Bolsonaro, a vida piorou. Deboche com a pandemia, descaso com o meio ambiente, um desastre na economia (…) O Brasil não aguenta mais Bolsonaro. Agora, podemos mudar. Por isso, estou com Lula. Apesar das diferenças, o que nos une é muito maior: a democracia e o futuro do nosso país – apontou.

Share:

Karina Bacchi lista razões para não votar em Lula A ex-modelo perdeu um irmão para as drogas e falou também contra o aborto e ideologia de gênero

 

Karina Bacchi Foto: Reprodução Youtube

A apresentadora Karina Bacchi gravou um vídeo para listar as razões que a fazem não votar no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), abrindo seu coração para seus seguidores nas redes sociais.

Bacchi foi mãe aos 40 anos através de um procedimento de fertilização in vitro, pois além de não ter um companheiro, a ex-modelo precisou retirar suas trompas após descobrir um problema de saúde.

Seu desejo de ter filhos foi uma das razões pelas quais ela não apoia um governo do Partido dos Trabalhadores.

– Eu não posso ser a favor da legalização do aborto. Eu sou a favor da vida! Sou convicta de que todo o ser humano, desde a concepção, tem o direito de existir – revelou.

Outro assunto que fez Karina Bacchi se emocionar foi lembrar a morte de seu irmão, Alexandre Bacchi, que faleceu em 2012, aos 39 anos, por conta de problemas envolvendo o vício das drogas.

– Eu perdi meu irmão, com 39 anos, vítima do mundo das drogas. Eu vi com os meus próprios olhos como elas são devastadoras. Senti na pele a dor da nossa família e a dor da morte do meu único irmão. Não posso ser a favor da liberação das drogas – declarou ela.

Karina também falou sobre a questão da segurança pública, citando os crimes que ela e sua família já vivenciaram e elogiando a ação do governo de Jair Bolsonaro que reduziu os índices da criminalidade no Brasil.

Outros pontos listados por ela foi a luta contra a violência contra mulheres, a liberdade da imprensa mesma sendo vítima de fake news e principalmente sua defesa pela família e contra a ideologia de gênero.

– Não posso escolher um presidente que acha que os valores da filha são ultrapassados (…) Essa pessoa nunca irá me representar – completou.

ASSISTA:

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Cubana Zoe Martínez expõe Lula: “O PT quer esconder isso” Comentarista da Jovem Pan publicou vídeo neste domingo

 

Zoe Martínez Foto: Reprodução/Print de video YouTube Zoe Martinez

Neste domingo (16), a cubana Zoe Martínez, comentarista da Jovem Pan, publicou um vídeo no qual critica Lula e o Partido dos Trabalhadores (PT).

– Este meu vídeo de hoje não é apenas para pessoas que costumam me assistir, que concordam com o que eu falo, mas também pra você aí que por algum acaso meu vídeo chegou até você e você tá cogitando votar no Lula – iniciou.

Em seguida, ela explicou que ia expor um vídeo antigo de Lula para mostrar também a realidade de regimes que ele defendeu.

– Eu vou começar com o vídeo do Lula e, depois, com as notícias que mostram a realidade cruel de regimes com os que o Lula nesse vídeo defendeu – disse.

E acrescentou:

– Eu vou trazer para vocês os verdadeiros dados de países que hoje estão sendo governados por partidos políticos que fazem parte do Foro de São Paulo. (…) E ainda tem gente que insiste em falar que o Foro de São Paulo é imaginação das pessoas de direita, que não existe que é teoria da conspiração. O Lula deixou claro nesse vídeo que, graças ao Foro de São Paulo, hoje, grande parte da América Latina é dominada pela esquerda. Antes do Foro, era só Cuba. Não sou eu que estou falando, foi o vídeo; esse vídeo é de 2012.

O Foro de São Paulo é organização, que foi instituída nos anos 90 para fortalecer o bloco de poder de esquerda na América Latina, conforme informações do site O Antagonista.

Martínez mostrou ainda como estão alguns países governados por partidos que fazem parte do Foro de São Paulo. Ela exibiu reportagens sobre Venezuela, Cuba e Argentina.

Confira o vídeo completo:

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Rainha dos caminhoneiros, Sula Miranda apoia Bolsonaro "Esse governo valoriza a mulher", disse a artista

 

Sula Miranda declarou voto em Bolsonaro Foto: Reprodução

Na tarde desta segunda-feira (17), o presidente Jair Bolsonaro (PL) se encontrou com vários cantores sertanejos que declararam seu voto pela reeleição do presidente, defendendo valores e setores da sociedade como caminhoneiros e produtores rurais.

Entre os artistas presentes estavam os cantores Leonardo e Gusttavo Lima, que participaram de uma coletiva de imprensa ao lado de Bolsonaro, reafirmando seus valores pela vida, família e liberdade.

Outros artistas que conversaram com Bolsonaro, entre eles a cantora Sula Miranda, Zezé Di Camargo, Fernando e Sorocaba, Sidney Magal, Chitãozinho (da dupla com Xororó), entre outros. O apresentador Ratinho também participou do encontro.

Sula Miranda falou em nome das mulheres e em especial em nome das caminhoneiras que viajam de norte a sul para distribuir mercadorias pelo país.

– Esse governo valoriza a mulher. Hoje são 200 mil caminhoneiras nas estradas que ajudam a levar o progresso. Eu tenho 36 anos de carreira e nunca tinha visto o que aconteceu na infraestrutura e hoje os meus caminhoneiros têm condições de ir e vir. Em dois anos foram feitos muito mais do que nos outros anos. Hoje temos um novo país nas estradas brasileiras – disse ela sobre as obras realizadas pelo governo federal nas rodovias.

Os ministros Paulo Guedes (Economia), Ciro Nogueira (Casa Civil) e Fábio Faria (Comunicações) também participaram do encontro.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Magno Malta responde Lula e revela vídeo de Bolsonaro Senador eleito publicou vídeo para mostrar o motivo de o presidente ter ficado acordado na madrugada de domingo

 

Magno Malta Foto: Reprodução/Print de vídeo Instagram Magno Malta

Nesta segunda-feira (17), Magno Malta (PL), senador eleito pelo Espírito Santo, usou as redes sociais para defender o presidente Jair Bolsonaro (PL). Ele se manifestou a respeito de um questionamento que Lula (PT) fez durante o debate presidencial do segundo turno, realizado pela Band, no domingo (16).

No vídeo, Malta exibe o trecho da pergunta de Lula a Bolsonaro, após uma declaração do chefe do Executivo sobre meninas venezuelanas. O presidente da República, que é candidato à reeleição fez uma live, na madrugada de domingo, para esclarecer uma fala usada contra ele.

No vídeo, Magno Malta esclarece ainda que Bolsonaro estava acordado de madrugada não por consciência pesada, mas porque estava orando.

– No debate de ontem, na TV Bandeirantes, o candidato ex-presidiário jogou na cara do presidente @jairmessiasbolsomaro que ele estava acordado de madrugada, porque a consciência deveria estar pesada. Olha aí neste vídeo o que Bolsonaro estava fazendo 1h da manhã – escreveu o senador eleito.

Confira, abaixo:

 

FONTE:PLENO NEWS


Share:

Vídeo de Janja bocejando em debate viraliza, e ela reage "Aquele papinho de Venezuela, Nicarágua é de dar sono mesmo", escreveu a esposa de Lula, no Twitter

 

Vídeo de Janja bocejando em debate viraliza Foto: Reprodução/Redes sociais

Nas redes sociais, Janja, esposa de Lula (PT), disse que bocejou “na cara do Inominável”, fazendo referência ao presidente Jair Bolsonaro (PL), que é candidato à reeleição.

– Bocejei sim no debate, e bocejei na cara do Inominável e ele viu. Aquele papinho de Venezuela, Nicarágua é de dar sono mesmo. O que queremos saber ele não respondeu. O que é “pintar um clima” com meninas de 14 anos? Isso tem nome e é crime – escreveu Janja, no Twitter.

Share:

Visita de Tarcísio é interrompida por tiros em comunidade em SP Candidato ao governo estava em Paraisópolis na manhã desta segunda

 

Tarcísio ficou abaixado no momento dos tiros Foto: Reprodução/TV Globo

A agenda de campanha do ex-ministro Tarcísio de Freitas (Republicanos) em Paraisópolis, na Zona Sul de São Paulo, foi interrompida por tiros na manhã desta segunda-feira (17). O candidato ao governo de São Paulo e jornalistas chegaram a ficar abaixados em uma sala onde estavam reunidos. Ninguém ficou ferido.

O candidato deixou o local acompanhado de seguranças e escolta em uma van. Nas redes sociais, Tarcísio afirmou ter sido atacado e que um suspeito foi baleado. A polícia, entretanto, ainda não detalhou quais foram as circunstâncias dos tiros.

– Em primeiro lugar, estamos todos bem. Durante visita ao 1° Polo Universitário de Paraisópolis, fomos atacados por criminosos. Nossa equipe de segurança foi reforçada rapidamente com atuação brilhante da @PMESP. Um bandido foi baleado. Estamos apurando detalhes sobre a situação – escreveu Tarcísio.

O delegado geral da Polícia Civil de São Paulo, Osvaldo Nico Gonçalves, afirmou ao portal G1 que viaturas do Grupo Armado de Repressão a Roubos (Garra), do Departamento de Operações Policiais Estratégicas (Dope), foram enviadas ao local para apurar o que ocorreu.

– Por enquanto ainda não temos informações oficiais do que ocorreu. A Polícia Civil está indo para lá saber o que houve – declarou o delegado.

FONTE:PLENO NEWS

Share:

Em nota, grupo de advogados manifesta apoio a Damares Movimento Advogados de Direita Brasil divulgou texto neste sábado

 

Damares Alves Foto: PR/Alan Santos

Neste sábado (15), o Movimento Advogados de Direita Brasil manifestou apoio à ex-ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e senadora eleita, Damares Alves (Republicanos). Por meio de nota, o grupo apontou que Damares está sendo “vítima de nova perseguição vil e nefasta da mídia”.

O apoio surge após a ex-ministra ter sido criticada por famosos por ter feito revelações chocantes sobre o tráfico de crianças na Ilha de Marajó (PA).

– É necessário esclarecer que os acusadores em momento algum se manifestaram contra os criminosos ou demandaram pedidos de investigação e punição para as atrocidades que foram publicizadas. Eles se levantaram contra a pessoa que expôs o problema – diz trecho da nota.

Leia a íntegra do texto no documento abaixo:

NOTA – DAMARES (1)fonte:pleno news

Share:

Ex-relatora da CPI da Exploração Sexual Infantil parabeniza Damares e desafia Xuxa Ex-deputada federal Liliam Sá gravou vídeo em apoio à ex-ministra

 

Ex-deputada federal Liliam Sá Foto: Lucio Bernardo Jr. / Câmara dos Deputados

A ex-deputada federal Liliam Sá (PTB-RJ), ex-relatora da CPI da Exploração Sexual Infantil, manifestou apoio à ex-ministra Damares Alves, que está no olho do furacão da mídia após fazer revelações chocantes sobre o tráfico de crianças na Ilha de Marajó, no Pará.

– Damares, parabéns, você está certa de denunciar as atrocidades que fazem com as nossas crianças no Brasil. Eu não tive coragem. Eu ouvi muita coisa que eu não pude falar, pois ficou em sigilo de Justiça – disse em vídeo publicado nas redes sociais.

Em seguida, a ex-parlamentar desafiou Xuxa Meneghel, que divulgou uma campanha que pede cassação da ex-ministra. Enquanto se dirigia à apresentadora, Liliam mostrava fotos de meninas desaparecidas.

– Agora quero falar para essa apresentadorinha de TV: onde ela estava quando esta menina sumiu? (…) Onde ela estava que não foi ouvir as mães das crianças desaparecidas no programa dela? – questionou.

E continuou:

– [Xuxa] Não fortaleceu a rede de proteção à criança e ao adolescente, já que ela dizia que era contra a exploração sexual de crianças. Isto tudo é falácia dessa mulher, que sempre enriqueceu e teve fama em cima das nossa crianças. E agora ela não tem mais a Lei Rouanet e quer destruir uma pessoa como a Damares, uma pessoa íntegra, correta, que trabalha com o coração – disse.

Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, nesta quinta-feira (13), Damares chegou a citar Liliam Sá, dizendo que a ex-deputada “é a voz de tudo isso”, em referência à questão do tráfico de crianças no Brasil.

– O melhor seria entrevistar a relatora da CPI de 2013, a ex-deputada Liliam Sá. Quando ela vai ao meu ministério e me entrega o relatório da CPI e quando ela registra que tentou ir ao Suriname e Guiana e a CPI foi interrompida; ela é a voz de tudo isso – falou Damares.

fonte:pleno news

Share:

Postagem em Destaque

Heloisa Bolsonaro critica artistas na posse: “Volta a farra” Esposa do deputado Eduardo Bolsonaro questionou como será feito o pagamento dos cantores

  Heloisa Bolsonaro  Foto: Reprodução/Redes Sociais A esposa do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP),  Heloisa Bolsonaro , criticou em...

Comente deixe sua opinião

Blog Archive

SIGA-ME

SIGA-ME
SEJA UM SEGUIDOR

TWITTER

whatsapp

Postagens mais visitadas

Globo de visitas